terça-feira, 28 de dezembro de 2010

TIRAR SOBRANCELHA Á MODA INDIANA!!!!...........


Essa técnica começou na India faz seculos mas também pode ser encontrada em países no Oriente Médio. No Brasil nunca ouvi falar de algo parecido mas me disseram que já existem alguns salões em Sao Paulo que estao oferecendo o método pra tirar vantagem do boom indiano provocado pela novela das oito, Caminho das Indias.
A depiladora segura um fio de algodão e enrola ao redor do seu dedo, a outra extremidade na outra mão e agarra o meio com os seus dentes. Por este motivo ela fica bem perto de seu rosto e você deve esticar a pele (testa e pálpebra), caso contrário, ela pode beliscar a sua pele com o fio. Com o fio entre suas mãos, ela desliza por toda a sua pele, movendo a cabeça dela como se ela fosse uma galinha, para frente e para tras, tirando suas sobrancelhas com este movimento. É um pouco doloroso (não tanto como pinça ou cera) e se sente pequenos choques eléctricos nos primeiros poucos segundos. O mesmo método é utilizado no lábio superior e laterais do rosto. As vantagens é de não puxar a camada superficial da pele como a cera e portanto o método é menos doloroso e mais rápido. Ele cria uma boa forma a sobrancelha.

Lembrando que esse método de depilação serve para o buço também!!!

DICAS IMPORTANTSSIIIMASS PARA OS SEUS CABELOS.... PERFECT!



Dicas para lavar, secar e escovar os cabelos
- Lavagens de cabelo

(importante: Após a aplicação das mechas a primeira lavagem deve ser depois de 48h no mínimo. Nunca usar shampoo anti-caspa ou anti-queda).

Lave seus cabelos com cuidado no minimo três vezes por semana. Lavar sempre com a cabeça ligeiramente voltada para trás, esfregando ou massageando seu couro cabeludo com movimentos circulares preferencialmente em ducha ou em seu cabelereiro.
Ao final, tome um cuidado especial e sempre remover todo shampoo e condicionador. Alterne hidratações a cada 15 dias e aconselhamos que você utilize os produtos indicados por seu estilista 


Help Hair.
- Secagem do Cabelo

Pressione o cabelo molhado com cuidado, ao invés de torce-lo. Separa as mexas ainda úmidas e escove cuidadosamente com a escova apropriada Help Hair. Secar primeiro a raiz e a união, e depois ao longo do comprimento e as pontas. Se você preferir pode sercar seu cabelo ao ar livre.

- Escovar e Pentear (avisos gerais)

Para poder escovar e pentear o cabelo de forma correta, recomendamos que ele seja separado diariamente. Pois somente assim você evitará os nós que se formam devido a queda natural de seu cabelo. Para isso passe os dedos nas partes entre a raiz e a união até a ponta do cabelo. Seu estilista irá lhe mostrar como isto deve ser feito. Depois dê o estilo que desejar ao seu penteado.

- Escovar e Pentear (cabelos crespos)

Para os cuidados diários, recomendamos a utilização de um pente afro ou das próprias mãos, as quais você pode passar pela manhã facilmente pelos cabelos e também entre uma união e outra. Para reforçar as ondulações um pouco mais, peça instruções ao seu estilista. Apenas antes e depois da lavagem você precisa escovar seu cabelo cuidadosamente com a escova correta Help Hair.

- Escovar e Pentear (cabelos lisos)

Cabelos lisos precisam ser muito bem escovado pela manhã e noite. Para isso escove cuidadosamente da raiz até as pontas sempre utilizando a escova Help Hair.

- Dormir
 

Evitar dormir com os cabelos molhados.
- Cuidados nos tempos livres (cabelos lisos e crespos)

Caso esteja na praia, seu cabelo precisa naturalmente de cuidados especiais. Utilize nesse caso, após cada lavagem cremes de hidratação e proteção para pontas e fios. Esta é a única restrição para que você desfrute com tranquilidade o sol e mar.

- Piscina

É recomendado o uso de protetores contra agressão do cloro, principalmente em cabelos loiros, conservando assim a cor natural dos cabelos.

- Como Tirar o cheiro de cigarro do cabelo?

Com o secador, jogue jatos de ar frio por toda a cabeça.Isso disfarça bem. Agora, se você quiser um truque profissional, invista em xampus que lavam a seco, um tipo de spray que vira pó em contato com os fios. Além de tirar a oliosidade, eles amenizam o cheiro da fumaça. E sem estragar a escova.

- 8 pecados capitais

1) Fazer rabo com o cabelo molhado.
 

2) Prender o cabelo molhado:
" o fio úmido quebra mais facilmente".
 

3) Exagerar no creme de pentear:
" o excesso de produto deixa um aspecto pesado. basta uma gota do tamanho de uma pérola".
 

4) Grudar o secador na cabeça
"Mantenha uma distância de 25cm. isso evita o ressacamento e os fiozinhos arrepiados".
 

5) Esquecer o termoativo
" O protetor térmico impede que o calor do secador danifique os fios e ainda dá brilho".
 

6) Passar a mão na franja
"Além de espalhar a oleosidade da raiz, esse hábito estimula a produção de gordura".
 

7) Fugir da tesoura
Quem quer deixar o cabelo crescer bonito deve cortar um dedo a cada três meses.
 

8) Tomar sol sem creme protetor
" O sol, o vento e a quimica usada na piscina alteram a cor dos fios".

- Quem alisa o cabelo, deve consultar um profissional antes de passar qualquer tipo de coloração. O excesso de química pode deixar seus fios frágeis demais.

- A água não deve ser muito fria nem muito quente, pois a fria causa vasoconstrição e a quente estimula a produção das glândulas sebácias.

- E SEU CABELO, JÁ MOLHOU HOJE?

Então corra para o chuveiro e trate de deixar seus fios em forma. " A ginastica capilar estimula a circulação sanguínea, deixando o cabelo mais forte e brilhante  que a serie é indicada para todos os tipos de cabelo:

1) "Divida" o couro cabeludo em cinco partes: acima da orelha direita, acima da orelha esquerda, nuca, coroa (logo acima da nuca) e testa.

2) Com a "polpa" dos dedos, desloque o couro cabeludo, fazendo movimentos de vai e vem. Faça três em cada região. faça a massagem depois do shampoo e antes do condicionador.

QUAL É O PENTE IDEAL PARA O SEU CABELO??? VEJAM..........


Largos, finos, com cabos longos,curtos, de plástico, de madeira:
há no mercado uma infinidade de pentes com funções variadas.
Muitas vezes, a diversidade é tanta que complica na hora de adquirir este utensílio de beleza.
Auxilio do pente ideal para seu tipo de cabelo:

1) Qual o pente ideal
para cada cabelo: liso e fino,
grosso e com volume,
ondulado, afro?

Lisos e finos: neste caso,
utilizamos pentes de madeira
porque este fio costuma ser muito
elétrico e possui uma estática (frizz)
grande. Além disso, esse tipo
de pente possui dentes largos,
o que auxilia o pentear e minimiza
os arrepiados.
 

Grossos e com volume: direcionamos os pentes de material plástico que são bem
resistentes e tem dentes abertos para facilitar a passagem dos fios e não haver
risco de quebra.
 

Ondulados: merece atenção especial, pois este tipo de fio não deve ser penteado
diariamente para não deixar o cacho irritado ou sem forma. O melhor é,
após a lavagem, penteá-lo uma única vez com o auxílio de um pente com dentes
bem largos e de preferência de madeira para evitar arrepiados. Durante o dia,
apenas aquela ajeitada com as mãos é recomendada.
 

Afros: o interessante é o cuidado constante, pois até mesmo o pentear pode
quebrá-lo ou arrebentá-lo. Para que isto não aconteça, o ideal é um desembaraçar
suave. O pente tipo jacaré - com dentes em formato de gota - ajuda e muito,
ou até mesmo, os modelos em garfo.

2) Qual a indicação para o pente tipo garfo?

O pente garfo é para dar forma e soltar um cabelo muito crespo, além de ajudar
a desembaraçar os afros que são sensíveis. Este tipo de pente foi muito usado
nas décadas de 70 e 80, quando as discotecas lançaram a moda “black power”.

3) E em relação aos dentes: os largos são melhores para desembaraçar ?

E por que as pontas dos dentes são arredondadas?
Sim. Os dentes largos são melhores para desembaraçar porque não seguram os fios,
permitindo-os que sejam penteados sem o uso da força. As pontas dos dentes
são arredondadas para que as mesmas não machuquem o couro cabeludo
e não causem fissuras nos fios. A distância dos dentes está relacionada com cada tipo
de cabelo e até mesmo para qual trabalho está sendo utilizado. O pente fino de cabo
mais longo, por exemplo, é usado geralmente para trabalhos químicos, como
coloração, já que ele consegue retirar finas mechas de cabelos para serem pintadas.
E também na separação para o “brushing”.

4) Quais pentes são mais indicados para modelar o cabelo ?

Os pentes mais indicados para modelagem são os do tipo jacaré que possuem
dentes específicos para este trabalho, além de possuírem um desembaraçador
no cabo. Ele também ajeita os cabelos curtos e médios, após serem escovados.

5) E quanto ao cabo dos pentes? Há diferença entre os curtos ou longos,
mais grossos ou finos?

Os cabos têm função de transmitir segurança e de definir o tipo de trabalho
que será executado. Geralmente, os profissionais de beleza possuem este olho
clínico e já sabem qual tipo de pente usar em cada cabelo.
Quando usados da maneira certa, facilitam o trabalho se adequando à pegada.
É importante terem rebarbas e serem ergonômicos.

6) Por que dizem que o pente de madeira é o mais indicado
para o dia-a-dia?

Os pentes de madeira possuem uma característica que fica a desejar nos pentes
de plástico: a neutralização da estática. Os do tipo jacaré são usados para dar
acabamento nos penteados com escova, para soltar uma franja e para deixar
o cabelo com um ar mais natural.

7) Como deve ser feita a conservação dos pentes? É preciso lavar
após o uso entre uma pessoa e outra? Usa-se água e sabão ou álcool?

A conservação dos pentes deve ser feita regularmente, pois o uso por diversas
pessoas requer uma assepsia maior. Lavar com o auxílio de um sabão neutro,
após o uso entre indivíduos é o mais indicado, porque evitará problemas de pele.
Não se deve usar os dentes do pente para retirar cabelos presos nas escovas.
Isso irá entortá-los.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

COMO USAR AS BATINHAS???.............

 
Da básica á chique, superconfortáveis e legal para várias ocasiões...
Modelo feminino e masculino de todos os tipo e gostos, confiram mais um pouquinho dessa roupa despojada e super na moda!!!!


As batas são uma influencia da cultura indiana é uma peça étnica, casual que veio para compor o look dos brasileiros. As batas em geral ficam super bem em qualquer tipo de pessoas, independente de seu estilo. Há modelos de batas tanto masculino como feminino.

Ideal para usar tanto no verão como na meia estação. Antes os modelos eram justos e abriam na cintura, hoje já podemos encontrar as batas estilo túnica. Perfeita para usar do trabalho à festinha com os amigos.

Como ela é uma peça mais folgadinha para os homens é bom que se use com calças chinos, jeans, de algodão ou de linho fazem boas parcerias com ela. E uma levemente comfy, tipo slacks também seria uma boa pedida na linha mais despojada e nos pés, aposte em sandálias, flip flops, tênis, alpargatas/espradilles, ou até um docksider.

Para as mulheres o decote tomara-que-caia e pregas dão movimento sem aumentar a silhueta. E como o equilíbrio é fundamental ao visual, use sempre calças cigarrete, bermudas skinny ou shortinhos laguinhos que escondem os quilinhos a mais. As magrinhas são as únicas que podem ousar e usar bata e calças largas. Para incrementar a combinação pode usar cintos de couro ou verniz, em baixo do busto ou na altura dos quadris. Para o look durante o dia, aposte em sandálias rasteiras com pedrarias. Já para a noite, abuse das bijuterias e de sapatos chamativos. Isto inclui até os saltos agulha, plataforma ou anabella.

CHAPÉUS FORA DE MODA???? VOCÊ QUEM PENSA!!!! DICAS QUENTISSIMAS PARA O USO DESSE ACESSÓRIO CHIQUE!



Fora da moda desde a década de 60, os chapéus voltaram com tudo neste ano, mas é preciso muito cuidado na hora de usá-los.

“O chapéu pode ser um acessório que vai transmitir senso de humor, formalidade ou caricatura. Quem usá-lo precisa carregar. Tem que usar, ter estilo, ser criativo e se sentir bem, porque é um acessório diferente. O brasileiro não está acostumado.
Para escolher o modelo adequado, é preciso observar o tamanho do rosto e a estatura da usuária. “Tem que ser proporcional. Se a mulher é muito alta e tem rosto grande, precisa ter um chapéu maior. Um chapéu muito pequenininho iria ficar perdido nesta mulher.
Tal acessório também é indicado para suavizar o formato do rosto. “Um mais anguloso pode usar chapéu com formas mais arredondadas. Um redondo utiliza modelos com formas mais geométricas”, conta a consultora. Além disso, é sempre bom apostar na simplicidade: esses são acessórios causais, principalmente para o verão.
Não há regra para suas cores, cada pessoa pode utilizar aquelas que achar melhor. Só é preciso tomar cuidado na hora de combinar o acessório com a roupa. “O chapéu vai ser o destaque, o resto tem que ser neutro. Quem tem medo de apostar nele, pode utilizar um modelo de cor neutra e roupas coloridas.
Sempre é bom lembrar que o chapéu deve ser o acessório mais importante do look. Então, é importante utilizar brincos menores ou até mesmo ficar sem brincos ou colares. Quando ele tiver abas enormes, é indicado ficar com os cabelos presos, a não ser que eles sejam de tamanho curto ou médio. Se for um chapéu sem abas, as madeixas podem estar longas e soltas.
Para quem pensava em utilizar no período da noite, uma triste notícia: ele é indicado apenas até 18 horas. Ou seja, nada de chapéu quando escurecer. “Ele existia para proteger do sol e do vento. Hoje em dia é moda, mas é bom evitar chapéu em lugar fechado. Ele foi feito para ser usado em ambientes abertos.





Como usar a moda da cabeça: chapéus

O chapéu tem tanto senso de humor quanto de formalidade. Pode vestir sublime ou, no descuido, parecer caricato. Em primeiro lugar, avalie o tamanho do rosto e do corpo. Isso é fundamental.
Algumas dicas:

Rostos graúdos e corpo pesado não combinam com chapeuzinhos pequenos, gorros e boinas apertados. Caras miúdas somem se o acessório é muito vistoso. Para um perfeito equilíbrio, bom senso e a prova em frente do espelho são a melhor receita para o chapéu ideal.

Não tente combinar o chapéu com a roupa. Vai parecer figurino da Rainha da Inglaterra. Eles funcionam melhor como ponto de contraste nas cores ou texturas com o que se veste. Para uma ocasião elegante é importante provar a roupa com o chapéu para sentir o efeito total.

Contraste também com o formato de rosto: formas arredondadas suavizam traços angulosos e os modelos geométricos favorecem o rosto redondo.

Esqueça os chapéus glamourosos de Joan Collins em "Dinasty". Os anos dourados acabaram. Quanto mais casual o chapéu, melhor o efeito. Nada que pareça ter levado uma hora na frente do espelho, mesmo que este tempo tenha sido gasto. Simplicidade é o recado.

A melhor cor vai depender de cada pessoa. Para quem não quer o chapéu como destaque, a cor próxima do tom do cabelo, chama menos atenção e combina com todas as roupas. Os neutros também garantem menos notoriedade.

Chapéus com abas ficam melhor em cabelos curtos, médios ou presos. Modelagens sem aba como as boinas e bonés podem ser usados com cabelos longos e soltos.

MODELOS DE BIQUINIS E MAIÔS PARA O VERÃO 2011... CONFIRAM E ARRAZEM!!!



Mais uma vez marcamos tendências e adiantamos o que será usado na moda praia do verão 2011, artigo complementado por TENDÊNCIAS PARA UM VERÃO FASHION.

No final do mês passado teve lugar a apresentação, em Miami, das tendências para a estação mais quente do ano.Bikinis 2011 Tendências de biquínis para o verão 2011
Vários desfiles com marcas super reconhecidas nos Estados Unidos e na Europa balançaram as passarelas com peças inovadoras e modelos sexy’s que aumentaram ainda mais a temperatura da cidade. As mais sensuais expoentes da beleza desfilaram de minúsculos biquínis, maiôs, e triquínis (três peças) que prometem fazer a última moda nas praias do mundo.
A chave do próximo verão serão os padrões de flores e cores vivas, embora a cor dominante será “nude”.
Mais um ano, o tamanho do biquíni é reduzido, mas o triquíni e o maiô terão maior destaque, buscando mostrar uma figura muito feminina.
As propostas para o verão 2011 incluíram cinco tendências bem definidas que seguem o estilo das roupas lançadas para a primavera/ verão 2010/2011:

• O estilo “safári-chic”, ideal para mulheres urbanas.

• A tendência boêmia francesa dos anos 50, com cores ácidas.

• Os tons exóticos e estampas típicas de praia.

• A linha Western com ares românticos e vintage, influência dos anos 70 americanos.

• Finalmente, uma linha inspirada em modelos nostálgicos de Cuba em 1940, mas com um toque moderno.

. O corte de biquíni com o sutiã, no estilo top,  em um ombro só apareceu em vários desfiles, na foto acima o modelo é da marca Triya. A grande pergunta é se essa moda vai pegar, já que o corte é esteticamente bonito e interessante, mas a marquinha de sol deixada por esse tipo de modelo, em minha opinião, já não deve ter o mesmo charme.

. Os sutiãs em modelo tomara que caia entraram em alta desde o verão passado e prometem continuar sendo maioria nas lojas especializadas. Eles são perfeitos para quem tem pouco busto, pois proporcionam uma ilusão de seios maiores.





MAIÔS...

Neste verão, eles aparecem mais ousados, sensuais, nas mais variadas estampas, cores, decotes, amarrações e detalhes em metais. Os maiôs dão elegância total para o corpo feminino, valorizando ainda mais através de seus recortes diferenciados e modelos inusitados.
Destaque para as versões com decotes de um ombro só, detalhes vazados nas laterais e estampas selvagens. As cores variam de tons fortes, vivos e neutros.Os modelos de maiôs verão 2011 ganham uma modelagem mais tradicional e diferenciada das coleções passadas e prometendo forte tendência para a estação.
O que é usado na praia também pode compor uma produção para sair à noite, por exemplo. Os maiôs podem ser usados combinando com calças, shorts e saias.

. O maiôs do verão 2011 seguem a linha democrática dos biquínis, modelos com cortes e recortes, tomaras que caia, comportados e mais ousados são presença certa na estação. A novidade promete ser o engana mamãe que super apareceu e deve fazer a alegria das mais cheinhas, já que o corte ajuda a afinar a silhueta.

domingo, 26 de dezembro de 2010

OS 10 PRINCIPAIS CUIDADOS COM A PELE BRANCA E A PELE NEGRA.



A seguir, a especialista apresenta os dez pontos que mais demandam atenção nos hábitos diários de beleza e saúde da pele, ensinando o que você pode fazer para prevenir e tratar problemas como rugas, manchas, oleosidade e flacidez, de acordo com o seu tipo de pele.

1. Proteção solar

Pele negra: a pele negra contém maior quantidade de melanina, o que confere uma maior proteção natural contra a radiação solar. Por outro lado, a tendência a manchas também é maior. Dessa forma, é importante, o uso diário de fotoprotetor em todas as áreas expostas da pele, mesmo na pele negra, com FPS 15, no mínimo

Pele branca: sem dúvida alguma, é a pele mais susceptível aos efeitos nocivos da radiação solar. Uso diário de fotoprotetor com FPS 30 em todas as áreas expostas é o mínimo recomendado.

2. Oleosidade

Pele negra: Os negros, geralmente, têm a pele do corpo mais ressecada e a pele facial mais oleosa, embora isso possa variar de pessoa para pessoa. Daí, a necessidade de usar produtos diferentes para hidratar face e corpo.

Pele branca: tende a ser mais equilibrada em termos de hidratação, mas isso também não é regra. A oleosidade, tanto da pele branca quanto da pele negra, depende também de vários outros fatores, como idade, alterações hormonais, hábitos de vida e problemas de saúde.

3. Formação de acne

Pele negra: devido à maior oleosidade da pele, as pessoas de pele negra são mais atingidas pela acne. O tratamento, nos dois tipos de pele, depende do grau da acne, podendo ir desde tratamentos tópicos até via oral com isotretinoina (roacutan).

Pele branca: tende a ser um pouco menos oleosa que a pele negra. No entanto, a acne depende de muitos outros fatores e não apenas a cor da pele. Por isso, também ocorre com bastante freqüência em pessoas de pele clara.

4. Rugas

Pele negra: a pele negra possui maior quantidade de melanina do que a pele branca. Isso resulta em uma maior proteção natural ao sol e, conseqüente, menor grau de fotoenvelhecimento (envelhecimento precoce causado pelo sol). Na pele negra, devemos evitar peelings profundos e lasers, devido ao risco de manchar a pele.

Pele branca: a pele branca tende a desenvolver rugas mais precocemente do que a pele negra por ter menor quantidade de melanina. A pele clara pode ser submetida a todos os tratamentos anti-idade, inclusive lasers e peelings profundos.

5. Formação de manchas

Pele negra: a maior quantidade de melanina e o aumento da ação dos melanócitos (células que produzem a melanina) podem resultar numa maior facilidade para desenvolver manchas. Um pêlo encravado ou uma espinha espremida facilmente resultam em manchas escuras. O tratamento é feito com filtros solares, ácidos e peelings. A hidroquinona, bastante empregada no combate às manchas, precisa ser pensada como uma alternativa apenas quando há supervisão médica, pois ela pode causar alguns efeitos colaterais nesse tipo de pele (manchas ainda mais escuras do que as anteriores ou manchinhas brancas, que aparecem em forma de pontos onde a hidroquinona é aplicada)

Pele branca: teoricamente, tem menor tendência a formar manchas do que a pele negra. No entanto, devido à grande mistura de raças no Brasil, algumas pessoas de pele clara desenvolvem manchas com facilidade. O tratamento com hidroquinona também pode causar manchas ainda mais escuras, como na pele negra. Por isso, o acompanhamento do dermatologista é fundamental.



6. Flacidez

Pele negra: a pele negra tende a ser menos flácida, porque envelhece menos, devido à proteção da melanina (pigmento que dá coloração à pele). Além disso, ela é mais resistente devido à espessura da camada mais externa da pele, chamada córnea: a espessura ajuda a preservar a hidratação interna e a manter a pele firme e resistente.

Pele branca: por ser menos protegida do sol, pois tem menos melanina, tende a apresentar flacidez mais cedo, pois a radiação solar degrada o colágeno e a elastina, substâncias responsáveis pela sustentação da pele.

7. Cicatrizes

Pele negra: apresenta aumento da atividade dos fibroblastos (células responsáveis pela cicatrização), levando a uma maior tendência na formação de quelóides. O tratamento clareia os quelóides e também faz com que eles murchem . As alternativas são cremes específicos, infiltrações de corticóide, betaterapia (radiação com íons) e laser.

Pele branca: menor tendência a cicatrizes hipertróficas e quelóides. A cicatriz é menor do que o quelóide e não ultrapassa seus próprios limites laterais, tendendo a regredir com o tempo. O quelóide, por sua vez, ultrapassa lateralmente o limite inicial da cicatriz, crescendo de forma tumoral, sendo geralmente maior do que as cicatrizes hipertrróficas.

8. Olheiras

Pele negra: devido a maior quantidade de melanina, as olheiras com predomínio do componente pigmentar podem ser mais freqüentes na pele negra. Tratamento com laser pode causar manchas nesse tipo de pele, então a melhor alternativa consiste no uso de cremes clareadores com fotoprotetor.

Pele branca: tendem a ter olheiras com componente vascular mais exacerbado, ou seja, a pele fina e clara da região das pálpebras deixa aparecer por transparências os inúmeros vasos do região. Tratamento com laser é mais seguro nesse tipo de pele.

9- Pêlos encravados

Pele negra: os folículos (locais onde estão os pêlos) são curvos e, quando os fios crescem, não conseguem sair totalmente do folículo, criando uma reação inflamatória chamada de pseudofoliculite. O tratamento com depilação a laser seria a melhor opção, mas tem que ser feito com bastante cautela nesse tipo de pele, pois pode manchar.

Pele branca: pode ter também pseudofoliculite, porém com menor freqüência que a pele negra. Tratamento com laser proporciona ótimos resultados.

10- Câncer de pele

Pele negra: pele naturalmente mais protegida do sol, ela desenvolve câncer da pele com freqüência bem menor que a pele branca. No entanto, a pele mais escura não traz imunidade total contra o problema e um fotoprotetor com FPS 15, no mínimo é necessário diariamente.

Pele branca: tem uma chance 15 vezes maior de desenvolver câncer de pele do que as pessoas de pele negra. Por isso, a proteção solar é indispensável, com FPS 30 de preferência.

QUEIJOS E VINHOS.... COMBINAÇÕES.



Vamos agrupar os queijos, segundo a textura da massa:

1) Queijos de textura mole e semi-mole:
 

* Brie (França): leite de vaca, 30 a 45% gordura, vinho branco seco como um Chardonnay do Novo Mundo.
* Camembert (França): leite de vaca, 21 a 45% gordura, vinho branco seco como um Sauvignon Blanc da Nova Zelândia ou um tinto como um Cabernet Franc do Velho Mundo.
* Chabichou (França): leite de cabra, 45% gordura, vinho branco seco como um Sancerre (Sauvignon Blanc) do Loire ou um tinto leve como um Beaujolais Villages da Borgonha.
* Tallegio (Itália): leite de vaca, 48% gordura, vinho tinto encorpado como um Barolo do Piemonte.
* Serra da Estrela (Portugal): leite de ovelha, 45% gordura, vinho do Porto Tawny ou um tinto muito encorpado como um Amarone do Vêneto.
* Gorgonzola (Itália): leite de vaca, 48% gordura, vinho branco doce de sobremesa como um Sauternes de Bordeaux ou um Porto Tawny..
* Blue Castello (Dinamarca): leite de vaca, 70% gordura, vinho do Porto Tawny, Tokaji Aszú- 5 Puttonyos da Hungria ou um Sauternes.

2) Queijos de textura semi-dura:
 

* Chévre (França): leite de cabra, 45 % gordura, vinho branco seco como um Chardonnay da Borgonha ou um Condrieu (Viognier) do Rhône.
* Roquefort (França): leite de ovelha, 36% gordura, vinho branco doce de sobremesa como um Sauternes, Porto Tawny ou um Amarone.
* Edam (Holanda): leite de vaca, 40% gordura, vinho tinto leve como um Baeujolais Villages da Borgonha.
* Gouda (Holanda): leite de vaca, 40% gordura, vinho branco seco como um Chardonnay do Novo Mundo.
* Rabacal (Portugal): leite de ovelha e cabra, 50 a 60% gordura, Sauternes, Porto Tawny ou Tokaji Aszú- 5 Puttonyos
* Cheddar (Inglaterra): Leite de vaca, 40% gordura, vinho tinto como um Tempranillo da Espanha.
* Yorkshire Blue (Inglaterra): leite de ovelha, 48% gordura, Porto Tawny ou um Amarone.
* Stilton (Inglaterra): leite de vaca, 50% gordura, Sauternes, Porto Tawny ou Tokaji Aszú- 5 Puttonyos.
* Tête–de-Moine (Suíça): leite de vaca, 50% gordura, vinho branco seco como um Riesling Kabinett-trocken da Alemanha.
* Tilsit (Alemanha): leite de vaca, 20% gordura, vinho branco seco como um Müller-Thurgau Kabinett-trocken da Alemanha.

3) Queijos de textura dura:
 

* Parmigiano Reggiano (Itália): leite de vaca, 29% gordura, vinho tinto como um Chianti da Toscana.
* Pecorino (Itália): leite de ovelha, 37% gordura, vinho tinto como um La Poja do Veneto.
* Grana-Padano (Itália): leite de vaca, 32% gordura, vinho tinto como um Barbaresco do Piemonte.
* Manchego (Espanha): leite de ovelha, 57% gordura, vinho tinto muito encorpado como um Amarone.
* Zamorano (Espanha): leite de ovelha, 50% gordura, vinho tinto como um Alion da Ribera Del Duero.
* Emmental (Suíça): leite de vaca, 37 a 45% gordura, vinho tinto como um Malbec da Argentina.
* Gruyére (Suíça): leite de vaca, 48% gordura, vinho branco seco como um Vouvray (Chenin Blanc) do Loire.

Notas:

a) Existem queijos difíceis de serem compatibilizados. É o caso do Provolone (Itália), de sabor defumado. Segundo Mônica Pessoa, da Associação Brasileira de Degustadores de Queijos: “Qualquer vinho combinado com o Provolone, vai sumir diante da sua potência”. Entretanto, vale a pena tentar com um Gewurstraminer da Alsácia ou um Shiraz australiano.

b) Numa rodada de queijos e vinhos, para não complicar muito e ser objetivo é válido escolher poucos queijos. Assim, um queijo de leite de cabra (Chabichou,Chévre,...) um de massa mole (Brie, Camembert, ... ), um de massa dura (Parmigiano, Pecorino, ....) e um azul (Roquefort, Gorgonzola, ....), levando–se em conta 200g a 250g de queijo por pessoa.Os queijos de textura mole devem ser retirados da geladeira com meia hora de antecedência, enquanto que os de textura dura com 2 horas. Os pães são fundamentais. Eles consolidam a união dos queijos e vinhos (tipos italiano, francês, alemão, de centeio com nozes, etc). Assim, seriam, também, escolhidos vinho branco seco, vinho tinto encorpado e vinho branco doce de sobremesa ou Porto.

c) A Revista Expand nº 3, sugere as seguintes combinações entre queijos, vinhos e geléias:
* Queijo tipo Brie, vinho branco seco Trio-Chardonnay- 99-Concha Y Toro - Chile e geléia de tangerina.
* Queijo tipo Pecorino, vinho tinto encorpado- Baron de Ley –97-Espanha e geléia de pêra.
* Queijo Parmigiano , vinho tinto tânico- Quinta de La Rosa-2000-Portugal e mistura de mel com azeite de trufas brancas.
* Queijo Tallégio, vinho tinto encorpado-Langhe Rosso-98-Batasiolo-Piemonte-Itália e geléia de figo preto.

Obs: A combinação da geléia com o queijo e o vinho, ocorre mais na esfera do aroma do que do paladar.

AFRODISIACOS....



O que são os AFRODISÍACOS

O termo Afrodisíaco data ao menos 5.000 anos. Derivado de Afrodite, a deusa grega do amor e da beleza, os afrodisíacos compreendem bebidas, alimentos, odores, ervas, produtos químicos e outras substâncias que incrementam a libido humana.

Existe centenas de produtos conhecidos por suas qualidades afrodisíaca, ou seja, pela capacidade que eles têm em agir como estimulante sexual.

Frutas

Uvas e cerejas são frutas bastante sedutoras, já que podem ser incluídas nas preliminares da relação sexual numa forma de estimular o tato e o paladar. O morango, devido a sua textura e cor, é considerado um dos alimentos mais afrodisíacos. E ele também ajuda no combate a anemia. As maçãs são consideradas afrodisíacas, sendo associadas ao Éden, à conotação de um fruto proibido. Sua cor vermelha é considerada extremamente estimulante.

Maçãs, peras, uvas, pêssegos, tâmaras são ricas em boro mineral que eleva os níveis sanguíneos e os hormônios sexuais, estrógeno e progesterona. Os gregos e os romanos consideravam os figos afrodisíacos, pois quando partido é sugestivamente erótico, além de estimular o processo digestivo e aliviar o sistema nervoso.

Aproveite a chegada do verão para preparar uma noite tropical. Uma salada de frutas com laranja, kiwi e morango, frutas ricas em vitamina C, combate o cansaço, garante espermas ágeis, perfeita circulação sanguínea e boa irrigação dos órgãos sexuais.

A banana é rica em potássio, mineral que contribui a transmissão dos impulsos nervosos e para as contrações musculares. A falta de potássio pode ocasionar fraqueza muscular.

Quando você for servir uma salada de frutas, capriche em sua preparação. Escolha a louça com cuidado e capriche no visual.

Bebidas

O álcool é considerado um afrodisíaco, desde que consumido moderadamente. Ingerida em pequenas quantidades, a bebida diminui a timidez e aumenta o fluxo sanguíneo dos vasos periféricos, principalmente no pênis. Em excesso, prejudica o vigor sexual e a saúde, dependendo da quantidade pode gerar impotência.

O vinho é uma das bebidas mais afrodisíacas e é essencial para criar um clima romântico. O vinho branco é mais recomendado do que o tinto para o prazer sexual, pois ele deve ser servido gelado. A temperatura mais fria da bebida pode ser usada para estimular as sensações de frio no corpo do parceiro.

O champanhe é o campeão dos afrodisíacos. Ele é uma bebida sofisticada e delicada, portanto ao oferecê-la você mostra ao seu parceiro o quanto ele é especial.


Obs: Lembrando também que o amendoim e o chocolate são afrodisiacos e ótimos para a ocasião....

sábado, 25 de dezembro de 2010

REGRAS BÁSICAS DE ETIQUETA...




Pequenas Regras de Etiqueta

    Regras:

Num altura em que tanto se fala de etiqueta é conveniente que tenha pequenas noções, ainda que básicas, acerca das regras de etiqueta. Nós deixamos-lhe aqui algumas dessas regras que deve cumprir.
A etiqueta não pode ser apenas relacionada com uma elite, de fundos económicos amplos, e que leva uma vida social activa. A verdade é que a base da etiqueta é a educação, e sem educação muito dificilmente conseguirá manter o "nível", se é que assim lhe podemos chamar, que em tantos locais públicos a sociedade exige. Por muito estranho que lhe possa parecer, nem todos se sabem comportar num cinema, num restaurante, numa recepção social, ou até mesmo num novo emprego. Educação e etiqueta são os aliados imprescindíveis para "saber estar" em qualquer local ou situação!

Imagine que começa hoje a trabalhar num novo local. Não lhe compete a si começar a dar opiniões sobre o local no qual vai trabalhar, e nem tão pouco deve começar a meter conversa com os seus novos companheiros, através de perguntas inconvenientes. Não compare os antigos patrões com os actuais, e nem ouse começar a fomentar intrigas. Sendo você a última pessoa a entrar para o trabalho, deve manter uma posição discreta e honesta. Aos poucos, as pessoas aproximar-se-ão de si. Todavia, e caso tenha alguma dúvida em relação ao trabalho, não hesite em perguntar a um colega. Porém, seja cordial!

Um dos maiores erros relativamente à falta de educação e etiqueta é fumar sem sequer perguntar se o pode fazer. No carro de um colega, na casa de um familiar ou no trabalho, você deve perguntar antes para ter a certeza de que as pessoas não se importam. È, igualmente, falta de educação fumar à mesa, antes de todas as pessoas terem terminado a refeição. Mesmo nesta situação, você deve perguntar se as pessoas lhe dão autorização para fumar.

Num local silencioso, como num cinema, teatro, ou numa sala de exposições, jamais vá fazer desse local um parque de merendas. No momento em que estiver a decorrer a peça, filme, ou enquanto as restantes pessoas contemplam a exposição, é uma falta de educação imperdoável estar a comer batatas fritas ou bolachas, perturbando a concentração das outras pessoas. Estes locais exigem silêncio, por isso não fale. Caso queira dizer alguma coisa à pessoa que a acompanha diga-o muito baixinho, por forma a não perturbar ninguém!

Seja moderado onde quer que esteja! Fale sempre num tom razoável, sorrindo de vez em quando, mas sem nunca adoptar uma atitude histérica. Cumprimente as pessoas do seu emprego, do local onde reside, e mesmo quando for ao café da esquina, ou em qualquer outro estabelecimento, tenha sempre a gentileza de cumprimentar a pessoa que a atende.

Nunca fale mal das outras pessoas em público pois, e além de lhe ficar mal, as coisas podem não ser necessariamente como lhas contaram e você ficará visto como sendo uma simples coscuvilheira. Falar da vida dos outros é uma das maiores falhas ao nível de etiqueta, mas infelizmente nos dias de hoje esse é um dos assuntos que mais preenche as conversas entre as pessoas: falar da vida alheia.

Aprenda a ser discreta. As extravagâncias não lhe vão dar uma maior importância do que aquela que você, eventualmente, possa já ter. Mostre-se atenciosa com todos! Quando encontrar alguém conhecido na rua pergunte sempre pela família e pelo emprego, demonstrando assim o interesse pelo bem estar desse seu conhecido. Todavia, não faça perguntas indiscretas ou inconvenientes.

Saiba ter sempre uma palavra de carinho e atenção para todos! Prime sempre pela educação e etiqueta em todos os momentos da sua vida, quer seja no trabalho, numa festa, numa reunião familiar ou simplesmente quando encontrar um conhecido seu na rua. Assim, será relembrada como uma pessoa repleta de classe! Sim, porque a classe não se vê pelas roupas caras, tratamentos de pele de custos elevadas, ou por estar presente em diversos locais onde se realizam os mais importantes eventos sociais.
 

A classe é muito mais do que isso, e você, cidadã comum, pode ser uma mulher com uma quota de classe invejável por qualquer um(a). Não necessita ser rica, aparecer nas revistas cor de rosa, mas sim ser educada e usar da diplomacia inerente ao ser humano. O seu toque feminino será, simplesmente, perfeito para que a sua classe seja ímpar!
 

Dento de nossas casas costumamos a comer mais a vontade, pegar com a mão, cutucar os dentes, mais quando vamos a um lugar chique devemos nos comportar de uma outra maneira. Agora vem as dicas para as
Regras de Etiquetas Sobre A  Mesa.

Passo a passo de etiqueta na mesa:

As suas mãos devem estar limpas na hora de pegar os talheres e o copo, ou a taça, durante a refeição. Tente manter a beirada do prato sempre limpa.

Antes de começar a comer, coloque o guardanapo aberto sobre as pernas. Utilize-o exclusivamente para limpar os lábios e os dedos.

Não fale de boca cheia, nem faça barulho ao mastigar os alimentos.

Antes de beber qualquer coisa, engula o que tiver na boca e limpe os lábios com o guardanapo. Depois de beber, enxugue os lábios.

Ao se servir, depois que você tocar um alimento, coloque-o no seu prato. Não o deixe no recipiente de onde outras pessoas vão se servir.

Não use os seus talheres para se servir de alimentos em travessas, bandejas, potes, etc.

Sirva-se de porções dos alimentos sem ficar escolhendo partes ou pedaços que lhe agradam mais.

Se ao provar algo você não gostar do sabor ou sentir que está em mal estado, e for impossível engolir, coloque de volta no prato discretamente, cobrindo a boca e o garfo com a mão. Depois cubra esse alimento com algum outro para não deixá-lo à vista. Não faça comentários.

Se depois de algumas garfadas você estiver convencido de que o prato que lhe serviram não é do seu gosto ou já estiver satisfeito, cruze os talheres e não continue comendo.

Não passe alimentos do seu prato para o de outra pessoa, nem bebidas de um copo para outro.

Não é educado pedir para repetir um prato, mas, se lhe oferecerem, você pode aceitar, se desejar.

Se quiser algo que está sobre a mesa, mas fora do seu alcance, peça-o a quem está mais perto. Nunca passe o seu braço na frente dos outros para pegar alguma coisa.

TIPOS DE LENTES DE CONTATO COLORIDA.



Abaixo está uma lista que demostra que a cor de lentes de contato não necessariamente esta ligada ao uso de lentes com função estética.

Lentes de contato coloridas que modificam a coloração natural
  
 Quando se fala de lentes de contato colorida, este é o primeiro tipo de lente que vem em mente para a maioria das pessoas. São lentes de contato coloridas opacas, com função de modificar artificialmente a cor dos olhos. São produzidas em várias tonalidades, incluindo castanho-claro, azul, verde, cinza etc.
 

Realçando o olhar
 

 Lentes de contato de realçe contêm tinturas sólidas mas transparentes. A cor de lentes de contato de realçe servem principalmente para quem já possui olhos claros e coloridos, como forma de intensificar a coloração natural e torná-la mais vibrante.
 

Lentes de contato coloridas com filtro de cores
   
Estes tipo de lentes de contato coloridas são modernas lentes cuja cor de lentes de contato são definidas para filtrar cores do ambiente externo, e são mais utilizadas para práticas esportivas. Por exemplo, existem lentes de contato colorida com filtro que intensificam tonalidades amarelas que são usadas por jogadores de tênis — pois isso torna a bola (amarela) mais visível para o tenista (a propósito: este tipo de lente tem sido muito utilizada até mesmo por espectadores!).
 

Cor de identificação
 

Normalmente as lentes recebem uma leve tintura verde ou azul para facilitar visualizar a lente durante a colocação/remoção. Se você deixar sua lente cair, por exemplo, seria difícil localizar as lentes sem esta tintura básica. Esta tintura é bem sutil e não interfere na visão ou coloração do olho.

VOCÊ QUER TURBINAR SEUS PEITOS? CONFIRA DICAS SUPER LEGAIS PRA VOCÊ SE SENTIR MAIS SEGURA NA HORA DE COLOCAR A PRÓTESE.



A sua melhor amiga, a chefe, a colega de trabalho e até aquela rival que vive dando em cima do seu namorado, provavelmente já fizeram. Também pudera. Em 2004, foram realizadas 616.287 cirurgias plásticas no Brasil. Destas, a segunda com maior incidência foi a de implante mamário, com 91.973 operações.
Turbinar os seios já virou febre entre as mulheres brasileiras, mas as dúvidas sobre a cirurgia são cada vez maiores. E os mitos também. Para descobrir o que é verdade ou não em relação ao que andam dizendo por aí, cirurgião desvendou todos os mistérios que assombram a mente de quem pretende desfilar com decotes generosos e bem recheados. Confira!

A escolha da prótese

Há inúmeros tipos, com variações de volume (gel de silicone ou solução salina), cobertura (lisa, rugosa, texturizada ou de poliuretano) e formato da base (redondo, anatômico ou natural). "Nem sempre adianta chegar ao consultório querendo usar o mesmo tipo de prótese que a amiga colocou. A escolha sempre será discutida com o médico e feita de acordo com os resultados esperados e as características anatômicas de cada mulher".
As mais usadas atualmente são as texturizadas ou as recobertas com poliuretano, também recomendadas para quem já teve contratura capsular. "As próteses mais modernas, como as texturizadas por fora e com gel coesivo por dentro - que não vazam se estourarem, portanto, não há como o líquido se misturar ao corpo - proporcionam baixos índices de complicações como infecções, rejeição da prótese e endurecimento das mamas.
Na hora de escolher a prótese, o médico tem 56 parâmetros para a avaliação. "Uma mulher de 20 anos não usará a mesma prótese que uma de 60, por exemplo. Os principais fatores a se levar em conta são simetria das mamas, localização da aréola, altura e biotipo, circunferência do tórax, flacidez, idade, expectativa da paciente e se ela já amamentou".

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

DICAS DE COMPRAS DE LINGERIES, VOCÊ QUE ADORA, FIQUE LIGADA!



A lingerie  é uma peça fundamental no guarda roupa feminino e escolher o estilo certo para o seu corpo é muito mais que uma questão de beleza ou moda, trata-se de bem estar  e conforto, sem desrespeitar os limites do corpo de cada mulher, por isso não é nada estranho vermos mulheres escolhendo peças que são maiores que o seu tamanho, pois nesse caso é sempre melhor pecar pelo excesso. Algumas lingeries, devido ao seu formato, ajudam a corrigir certas imperfeições valorizando ainda mais o corpo, fornecendo ao mesmo tempo conforto e sensualidade. As variedades de cores e formatos dão as mulheres maior oportunidade de escolha, mas escolher o tipo ideal requer um pouco mais de bom senso.


Dicas para comprar a lingerie certa...

Muitas pessoas chegam a dizer que uma boa lingerie pode fazer milagres, sutiãs que levantam e aumentam o volume dos seios, capaz até de aproximá-los ou afastá-los, algumas calcinhas são feitas em cores semelhantes a da pele e sob uma roupa clara, não marcam ou ficam a mostra. Os tecidos também fazem grande diferença, peças de Lycra sempre duram mais e se modelam melhor ao corpo, os modelos sem costura são modernos e agradam bastante a mulherada, já que não deformam, conservam a cor, não marca e secam muito mais rápido.
Na hora de escolher, opte por modelos que proporcionem conforto e modelem o corpo, experimente antes de levar, caso isso não seja possível, leve sempre um número maior que o seu. Outra dica é escolher, no caso de sutiãs, aqueles que se adaptem a qualquer tipo de blusa ou vestido, procure os que possuem alças removíveis ou transparentes em silicones e com bojo, pois modelam os seios. Alguns modelos que possuem detalhes na alça, já são fabricados para aparecer, porém muito cuidado na escolha! O essencial é saber que para o seu corpo a lingerie ideal não é a que tem cintura alta, baixa, as mais cavadas, peças com ou sem enchimento, mas sim aquele que consegue lhe proporcionar conforto acima de tudo.

17 DICAS DE COMO APIMENTAR A RELAÇÃO... DIVIRTAM-SE!!!!!



1. Convide seu par para um jantar a dois. No cardápio inclua frutas, mel, chantilly e outros alimentos que possam ser degustados com o prato principal: vocês dois.
2. O sexo oral fica mais excitante se você colocar gelo na boca antes de entrar em contato com o pênis.
3. Um chá também pode deixar a boca quente e acolhedora para o sexo oral.
4. Um banho a dois pode ser maravilhoso. Percorra o corpo dele com o sabonete e, em seguida, peça para ele fazer o mesmo com você. Abuse dos toques.
5. Já pensou em surpreendê-lo no meio do dia com uma transa rapidinha? Marque um encontro na hora do almoço sem revelar suas intenções e vá em frente.
6. Faça um strip-tease, abusando de roupas íntimas.
7. Busque posições diferentes e variadas. Dê asas às suas fantasias e mostre o que você quer.
8. O beijo por todo o corpo pode esquentar ainda mais o sexo. O jogo é procurar as zonas erógenas.
9. Deixe-o explorar seu corpo. Ajude-o a encontrar as partes que mais lhe dão prazer como, o clitóris.
10. Acorde-o no meio da noite com toques excitantes. Ele ficará surpreso.
11. Aproveite as energias da manhã e faça sexo logo depois que acordarem.
12. Coloque pétalas indicando o caminho do quarto. Use velas aromáticas e música para excitar.
13. Já pensou em brincarem com perguntas sobre vocês dois? Quem errar a resposta deve tirar uma peça de roupa.
14. Domine a relação de vez em quando. Os homens adoram mulheres que sabem ditar regras.
15. Produtos do sex shop é uma boa pedida como: bolinha lubrificante, dadinho erótico, calcinha comestivel entre outros...
16- O filme porno ajuda a você ter vontade com seu par e lá você acaba tirando umas ideias bem legais do que fazer com seu parceiro entre 4 paredes.
17- Arraze nas lingeries, na camisola e no perfume, faça uma massagem com um olinho com um cheiro bem suave e massageie o corpo inteiro do seu parceiro sem excessão.

                                                                                                                                                                                                                              BOA SORTE MENINAS.....

TUDO SOBRE O CHOCOLATE... ADOOOROOO!!!!!!



História do chocolate

O chocolate vem sido usado como bebida desde o começo de sua história. A civilização maia cultivava o cacau em seus quintais. Das sementes, fazia-se uma bebida amarga chamada xocoatl,[2] geralmente temperada com baunilha e pimenta. O xocoatl, acreditava-se, combatia o cansaço.
Resíduos de chocolate encontrados numa peça de cerâmica maia de Río Azul, na Guatemala, sugerem que já era utilizado como bebida por volta do ano 400 d.C.
Em novembro de 2007, arqueólogos encontraram vestígios de uma plantação de cacau datada de 1100 a 1400 a.C., em Puerto Escondido, Honduras. Pelo tipo de recipiente encontrado e pela análise de seu conteúdo, concluiu-se que produzia-se uma bebida alcoólica pela fermentação dos açúcares contidos na parte branca que envolve os grãos.
Documentos a respeito dos hieróglifos maias dizem que o chocolate era usado tanto para fins cerimoniais como no cotidiano.
Na América Central pré-colombiana, grãos de cacau eram usados como moeda. Todas as áreas conquistadas pelos astecas eram obrigadas a plantar cacau e pagar um imposto em grãos.
Mas os europeus só foram apresentados a esse grão após a derrota dos astecas por Cortez, no século XVI, quando passou a ser consumido pelas cortes europeias na forma de bebida. Para acompanhar a demanda da novidade, o exército espanhol começou a cultivar o cacau em plantações na América, usando o trabalho de escravos nativos. Na Europa, apenas a realeza e os ricos podiam se dar ao luxo de consumir o caro produto importado. Na Inglaterra, a primeira chocolataria foi inaugurada em Londres, em 1657. Em 1689, na Jamaica, o famoso médico e colecionador Hans Sloane desenvolveu uma bebida à base de leite com chocolate que foi inicialmente usada por boticários, mas mais tarde vendida para os irmãos Cadbury. A Espanha passou a cultivar o cacau em plantações, com mão-de-obra africana escravizada.
Por centenas de anos, o processo de fabricação do chocolate permaneceu o mesmo. Quando a Revolução Industrial chegou, muitas mudanças ocorreram e trouxeram o alimento para a forma em que o conhecemos hoje. No século XVIII, máquinas de espremer manteiga de cacau foram criadas. Isso ajudava a fazer um chocolate mais consistente e durável. A partir daí, o consumo do chocolate foi popularizado e espalhado pelo mundo todo.

 O chocolate no Brasil

Várias fábricas se instalaram no Brasil. Em Porto Alegre os irmãos alemães Franz e Max Neugebauer, juntamente com o sócio Fritz Gerhardt fundaram a empresa Neugebauer Irmãos & Gerhardt em 1891.
Outras empresas, como Nestlé, Garoto, Cacau Show e Lacta, além de companhias de menor porte, estão envolvidas na comercialização de chocolate no Brasil.
O tradicional chocolate ao leite brasileiro possui um baixíssimo percentual de cacau.[carece de fontes?] O chocolate comercializado no Brasil é rico em açúcar, aromatizantes artificiais e em gordura hidrogenada.[carece de fontes?] Comparando-se uma barra de chocolate comercializada no Brasil e na Europa, as mesmas empresas oferecem produtos com uma grande diferença de qualidade.[carece de fontes?]

 Tipos de chocolate

Chocolate em suas diversas composições: Chocolate branco (branco), chocolate ao leite (mais claro) e chocolate amargo (mais escuro).
O chocolate é um alimento popular que tem conhecido diversas formas de apresentação.
Pode ser bebido (chocolate em pó ou achocolatado) com leite, ou em tabletes. Neste caso é apresentado em muitas versões: ao leite (em Portugal diz-se chocolate de leite), branco, amargo, com amendoim, amêndoa ou avelã, com ou sem recheio, etc., variando em função do acréscimo em partes diferentes de seus componentes individuais e assim, varia também seu valor calórico, que em qualquer dos casos é elevado.

    * O chocolate amargo é feito com os grãos de cacau torrados sem adição de leite, e algumas versões permitem a sua utilização como base para sobremesas, bolos e bolachas. Deve-se usar um mínimo de 35% de cacau, segundo as normas europeias.
    * O chocolate ao leite ou chocolate de leite leva na sua confecção leite ou leite em pó. As normas europeias estabelecem um mínimo de 25% de cacau.
    * A couverture é o chocolate rico em manteiga de cacau, utilizados pelos profissionais chocolateiros, como a Valrhona, Lindt & Sprüngli, Theo Chocolate e outros, com mais de 70% de cacau, e gordura de cerca de 40%.
    * O chocolate branco é feito com manteiga de cacau, leite, açúcar e lecitina, podendo ser acrescentados aromas como o de baunilha.[3] Inventado na Suíça após a I Guerra Mundial, só foi divulgado nos anos 80 do século XX pela Nestlé.

A Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP desenvolveu um chocolate à base de cupuaçu,[4] que pertence à mesma família do cacau.
Quanto ao formato, o chocolate pode ser comercializado em tabletes, barras, gotas, raspas e em outras versões mais peculiares, como na forma de ovos e línguas de gatos.

Saúde

Apesar de o chocolate ser geralmente consumido por prazer, há alguns efeitos positivos para a saúde na ingestão do alimento. O cacau ou o chocolate amargo, por exemplo, são benéficos para o sistema circulatório. Outros efeitos incluem as propriedades anticancerígenas, estimulantes cerebrais e a capacidade de curar diarreias, entre outros. As propriedades afrodisíacas dos chocolates ainda não foram comprovadas.
Por outro lado, ingerir grandes quantidades de alimentos altamente energéticos, tais como o chocolate, aumenta o risco de obesidade. Há uma preocupação a respeito de casos de envenenamento leve por chumbo através do consumo de alguns tipos de chocolate.
Um estudo da BBC indicou que um chocolate derretendo na boca de uma pessoa causa um aumento na atividade cerebral e nos batimentos cardíacos que é mais intenso do que o associado a beijos apaixonados, e que duravam quatro vezes mais tempo após o término na atividade.
Há centenas de anos, povos europeus e da América do Sul usavam o chocolate para o tratamento de diarreia.

 Efeitos no sistema circulatório

Estudos recentes sugerem que o cacau e o chocolate amargo podem surtir certos efeitos benéficos na saúde humana. O cacau possui uma considerável ação antioxidante. Outros estudos também observaram que ocorre uma pequena diminuição na pressão sangüínea após o consumo diário de chocolate amargo. Existe até mesmo uma dieta, a "Dieta do Chocolate", que sugere a ingestão de cacau e chocolate em cápsulas. No entanto, o consumo de chocolate ao leite ou chocolate branco, ou beber chocolate amargo com leite gorduroso, parecem anular o benefício na saúde. Na verdade, quantidades pequenas e regularmente ingeridas de chocolate reduzem o risco de ataque cardíaco.

 Afrodisíaco

A cultura romântica considera o chocolate um afrodisíaco. As famosas qualidades afrodisíacas do chocolate estão geralmente associadas ao simples prazer sensual de seu consumo. Além do mais, a natureza doce e gordurosa do chocolate estimula o hipotálamo, induzindo sensações prazerosas e elevando o nível de serotonina. Apesar de a serotonina ter efeitos prazerosos, em excesso pode ser convertida em melatonina, que, por sua vez, reduz a libido. Finalmente, o chocolate tem substâncias que podem ativar receptores canabinóides, o que causa sensações de sensibilidade e euforia. Um presente com chocolates é um ritual de corte muito comum.

 Acne

Há uma crença popular de que o consumo de chocolate pode causar acne. Vários estudos mostram que esse é o caso de alimentos com alto índice glicêmico em geral, apesar de essa questão ainda estar sendo estudada. Sabe-se que o leite estimula o aparecimento de espinhas.

 Valor nutritivo

O chocolate é um alimento muito nutritivo. Contém proteínas, gorduras, cálcio, magnésio, ferro, zinco, caroteno, vitaminas E, B1, B2, B3, B6, B12 e C.
Estudos recentes sugerem a possibilidade de o consumo moderado de chocolate preto e amargo trazer benefícios para a saúde humana, nomeadamente devido à presença de ácido gálico e epicatecina, flavonóides com função cardioprotetora. Sabe-se que o cacau tem propriedades antioxidantes. O chocolate constitui ainda um estimulante devido à teobromina, embora de fraca capacidade. O chocolate também possui cafeína e sua ingestão faz com que o corpo libere neurotransmissores como a endorfina.

 Efeitos em animais

Em certas quantidades, a teobromina encontrada no chocolate é venenosa a animais como cães, gatos (especialmente filhotes), cavalos, papagaios e hamsters. Alimentados com chocolate, estes animais não conseguem metabolizar a substância eficazmente, e esta permanece no seu sistema circulatório por quase 20 horas. Esses animais podem, devido ao consumo, ter convulsões, ataques cardíacos, hemorragia interna, e às vezes a morte. O tratamento médico deve fazer com que o animal vomite o chocolate dentro de duas horas depois de engolido, ou levá-lo a um veterinário.
Um cão de 20 kg irá normalmente sentir dores de estômago depois de comer menos que 240 g de chocolate com leite, mas não irá necessariamente ter bradicardia ou taquicardia a não ser que ele coma pelo menos meio quilo de chocolate de leite. Se ele não expelir o chocolate do seu sistema por causa do açúcar ou da gordura, então ele terá 50% de probabilidade de sobreviver depois de comer 5 quilos. Chocolate preto (com menos leite) tem aproximadamente 50% a mais de teobromina e por causa disso é mais perigoso aos cães.
 

O Chocolate na cultura popular
 Festividades
 

O chocolate, ao longo dos tempos, foi tomando novas formas e foi criando vários hábitos na sociedade ocidental. Nessa imagem, o chocolate em formato de ovos envoltos em papel brilhante, na forma como usualmente é apresentado na

Páscoa.

No mundo todo, o chocolate aparece como tradição em festividades populares. Na Páscoa, é presenteado em formato de ovos maciços ou ocos, recheados com pequenos brinquedos ou com doces variados. No Dia dos Namorados e no Dia das Mães, uma caixa de chocolates é um presente sugerido a quem quer demonstrar carinho. Também é um brinde usado em outras datas comemorativas, como no Natal e nos aniversários, quando surge ainda em forma de enfeites decorativos e também em bolos e docinhos.

 Livros e filmes

O chocolate tem sido tema central de diversos livros famosos e suas versões cinematográficas. Em 1964, Roald Dahl publicou um livro infantil intitulado A Fantástica Fábrica de Chocolate. A história gira em torno de um menino pobre chamado Charlie que é convidado a visitar a maior fábrica de chocolates do mundo, propriedade de Willy Wonka. Duas adaptações do livro foram feitas para as telas de cinema.
Chocolate é um livro de 1999 escrito por Joanne Harris. Conta a história de Vianne Rocher, uma jovem mãe solteira, cujos chocolates mudam a vida das pessoas através da mágica dos ingredientes, sempre diferentes a cada receita e feitos quase como encomenda, tão apurados são os efeitos nas vidas das pessoas.

Outros aspectos
 

Uma variedade do chocolate surgiu na Itália e logo conquistou o mundo: o sundae de chocolate.

    * A um indivíduo compulsivo em comer chocolates e/ou afins dá-se o nome de chocólatra. Aquele que não tem autodomínio diante de qualquer tipo de chocolate em qualquer forma.
    * Na sociedade atual o chocolate possui uma característica interessante servindo como um substituto à linguagem no relacionamento humano, estabelecendo relação de comunicação de laços de amizade, solidariedade e amor. Dar uma caixa de bombons pode significar: "feliz aniversário", "boa viagem", "desculpe-me", "saúde" ou "estou apaixonado por você". Trata-se de um presente difundido no Dia dos Namorados, Dia das Mães e em alguns países também se valem de bombons para recompensar os filhos exemplares. Durante a Páscoa é transformado em coelhos e ovos, símbolos da Ressurreição de Cristo.

 Lista de marcas de chocolate
Bombom, um tipo especial de chocolate.

    * Guylian
    * Chocola van Droste
    * Araucária
    * Cacau Show
    * Garoto
    * Hershey's
    * Kinder
    * Kopenhagen
    * Lindt & Sprüngli
    * Valrhona
    * Amano
    * Arcor
    * Lacta
    * Lugano
    * Nestlé
    * Nhá Benta
    * Toblerone
    * Ferrero (produtora do chocolate Ferrero Rocher)
    * Neugebauer
    * Harald
    * Milka
    * Fazer
    * Laka

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

CORES DE ESMALTES QUE NUNCA SAEM DA MODA.



Vermelhos

De cor ousada a clássico, a gama de vermelho agrada mulheres de todas as idades, desde as adolecentes que buscam um tom mais marcante como o vermelho tomate até as senhoras que optam por tons mais fechados como o vinho. Vai bem em todas as ocasiões, das mais descoladas até as mais sérias.


Branquinhos

O favorito entre as mulheres mais básicas mas que não deixam de lado as unhas sempre bem feitas. É uma cor neutra e perfeita para as mulheres mais clássicas. Também é uma cor recomendada para pintar as unhas dos pés, deixando as mãos livres para a ousadia.


Nude

Com a moda do nude, esse esmalte entrou para a lista dos clássicos. É uma opção para quem já enjoou dos branquinhos mas que procuram uma cor mais discreta. Vai bem para qualquer idade!


Rosados

Assim como o vermelho, possui uma gama de cores bem variada, agradando a todas idades e estilos: as mais novas, amam o pink. As mais senhoras, ficam com os rosas bem clarinhos, quase na cor da unha natural.

TIPOS DE UNHAS POSTIÇAS...



Unhas de porcelana:
 

As unhas de porcelana são unhas esculpidas artesanalmente, que garantem um aspecto natural, bonito e seguro para quem opta pelo seu uso. Possuem uma resistência superior as demais unhas alongadas, pois não quebram e nem descolam facilmente. Custam apenas R$ 65,00.

Unhas de Silicone ou unhas de Gel:
 

Qualquer pessoa que já tenha passado pelos Estados Unidos certamente notou as belas unhas das mulheres. Com certeza, feitas de resina e fixadas com um gel de silicone. Ao contrário das unhas artificiais comuns que desgrudam facilmente. Normalmente as clientes preferem as unhas médias e custam apenas R$ 75,00.

Unhas de Acrigel (acryl gel):
 

As unhas de acrigel são as preferidas pelas mulheres. Elas associam, ao mesmo tempo, a resistência das unhas de porcelana com o aspecto natural das unhas de silicone e custam apenas R$ 75,00
  
Francesinha Permanente:
 

Você já pensou em ter a sua francesinha permanente? Esta moda surgiu nos Estados Unidos e já invadiu diversos países mundo afora. Custa somente R$ 85,00


Unhas Acrilfix:
 

São unhas similares as unhas de porcelana, tanto na estética quanto na durabilidade.
Com uma vantagem adicional: como não utilizam o monomer para a realização do serviço, elimina-se assim o odor característico durante a confecção da unha.
Custam apenas R$ 65,00.

Unhas artíssticas:

Unhas artísticas ou unhas decoradas é uma técnica de pintura, que acrescenta um toque de beleza às unhas femininas, um algo a mais, sendo a última novidade no mercado. Pessoas de todas as idades e profissionais têm procurado conhecer essa técnica, que no Brasil, vem ganhando cada vez mais adeptas.
A arte da decoração em unhas diz muito sobre o estilo, a personalidade e o estado de espírito de quem as está usando.
Há uma diversidade enorme de desenhos, combinação de cores e técnicas, o que torna este trabalho ainda mais fascinante. Sendo que o tempo gasto para a elaboração do trabalho depende muito do que foi escolhido pela cliente e da agilidade da manicura. As cores fortes unidas a unhas compridas dão um efeito muito mais bonito ao trabalho.
Os resultados ficam melhores com cores mais vivas. A partir de duas tonalidades de esmaltes já se consegue excelentes resultados.

Air brushed nails ou unhas decoradas com aerógrafo:

As unhas decoradas com aerógrafo tem uma aparência espetacular. Com aerógrafo poderemos criar desde a tradicional francesinha a desenhos exclusivos e diferentes, que não poderiam ser recriados de qualquer outra forma.Tal como o efeito degradê.
Esta técnica desenvolvida no Japão e aperfeoada nos EUA vem sendo amplarmente divulgada pelo mundo sendo que no Brasil o Studio Alice Cavalcante se coloca a frente devido a perfeição dos traços incomparáveis.

APLICAÇÃO E CUIDADO COM AS UNHAS POSTIÇAS...



Unhas Postiças

Algumas mulheres adoram roer uma unha ou não tem tempo de cuidá-las, quando precisam ir à balada ou algum outro evento, logo vem a idéia de colocar a unha postiça.
Mas tenha atenção ao utilizar postiças, somente profissionais especializados tem capacidade de proporcionar um excelente trabalho, sem colocar em risco a saúde das suas unhas.
Não basta comprar  as próteses de unhas, colar e pronto. Deve-se ter alguns cuidados na escolha do formato da unha postiça e na hora da aplicação. O importante é não colocar as próteses de unhas no mesmo dia do corte das cutículas, pois elas podem sensibilizar a cutícula e, depois da colocação.
O certo é colocar a prótese sobre a placa da unha, mas é necessário observar se há formação de ar entre a unha e a prótese pois há riscos de desenvolver microorganismos que podem danificar a unha e podem causar até uma infecção na matriz dela.
A cola na unha deve ser somente o suficiente, é preciso muito cuidado na aplicação da cola e na escolha do formato da unha a ser colocada.
Encontramos no mercado três tipos de postiças as de fibra, silicone e porcelana. Apesar de serem aplicadas a partir de técnicas diferentes, todas têm indicação semelhante: proteger as unhas fracas ou impedir que elas sejam roídas.
As unhas de silicone ou porcelana podem durar, em média, oito meses.
Mas não esqueça a manutenção a manicure tem que ser semanalmente para retirar a cutícula e mudar o esmalte para preservar as unhas postiças.
Já as de fibra a manutenção é menos rigorosa. A cada 20 dias, é o tempo ideal para manutenção.
Caso essa manutenção seja esquecida, existe o risco de entrar água entre as unhas e surgirem fungos.
Na hora de retirar as postiças o ideal é ir lixando as unhas e esperar que elas saiam totalmente dessa forma. Quando se arranca a cobertura artificial, ela prejudica a unha.
Um aviso importante não mantenha as unhas postiças por muito tempo seguido o ideal é utilizar por algum tempo e deixar as unhas naturais respirar por um bom tempo.

VOCÊ ROE UNHAS?? AFF... VAMOS PARAR COM ISSO AGOORAAA! VEJA COMO...



Mais do que um hábito constrangedor, roer unhas é um vício. Quando percebe, você já levou as mãos à boca e está fazendo dos dentes uma serrilha. As unhas são mastigadas com força e insistência. A pele em volta segue devorada, enquanto os dedos sofrem a pressão até não suportarem, respondendo com nesgas de sangue que vazam entre as cutículas estraçalhadas e até deixam vestígios nos lábios. Esse é o momento de parar , afirma a psicoterapeuta Maura de Albanesi, pós-graduada em terapia corporal. Os pacientes viciados em roer unhas só dão sossego às mãos quando elas sangram. Mas isso dura pouco: é só o tempo de finalizar a cicatrização para o ciclo recomeçar .Ansiedade, angústia, falta de segurança e muita timidez são os sentimentos associados ao problema que, aliás, não precisa de terapia para ser corrigido. Segundo Maura, a força de vontade vale muito mais. Até hoje, nenhum paciente me procurou interessado em parar de roer as unhas, isso aparece como algo residual, como um sintoma de outras situações , diz.

Na maioria dos casos, o hábito começa na infância. Principalmente em famílias onde os adultos não dão muito espaço para elas manifestem suas próprias opiniões ou digam o que querem , afirma o dermatologista Marcelo Bellini, professor da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Estética. A longo prazo, roer as unhas e puxar com a boca a pele da cutícula causam a chamada paroníquia crônica (infecção da pele ao redor das unhas, caracterizada por inchaço, vermelhidão e aumento da sensibilidade) . A doença interfere no formato das unhas e até comprometer o seu crescimento, porque é debaixo da cutícula onde está a matriz da unha, ou seja, onde ela é gerada.

Então, se a aparência desleixada das mãos é o que anda incomodando, o jeito é assumir isso e identificar as situações em que os dedos quase pedem para encontrar os dentes. As unhas são nossas garras, quem rói está, literalmente, comendo a própria agressividade. É um indivíduo que tem medo de se expor e precisa aprender a conduzir esta energia mais forte, em vez de triturá-la , afirma a psicoterapeuta.

De acordo com ela, essas pessoas precisam descobrir que tipo de atitude leva à auto-repressão. O próprio gesto de levar a mão até a boca lembra uma criança indefesa, acuada. No ambiente profissional, essa postura pode ser extremamente nociva se for interpretada como falta de assertividade .

Pintar as unhas de vermelho, no caso das mulheres, ou manter um chiclete na boca podem até servir como paliativos. Muitas pacientes também experimentam as unhas postiças na fase em que buscam conquistar mais segurança, porque a maioria rói até o esmalte , afirma o dermatologista. Mas, dificilmente, essas atitudes resolvem o problema. A solução é mesmo criar segurança para se expor. Você pode, inclusive, manter um bloco de anotações no bolso para escrever a hora e a situação em que teve vontade de roer as unhas. Isso ajuda a identificar onde estão seus focos de ansiedade, dando pistas de como aliviar esse sentimento.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

DÚVIDAS EM COMO COLOCAR CÍLIOS POSTIÇOS? VEJA PASSO Á PASSO.



Passo 1
 

passe duas camadas de rímel preto nos cílios naturais, para alongar e dar volume.

Passo 2
 

Pegue o cílio postiço e meça da metade da pálpebra até o final do canto externo.

Passo 3
 

Corte o pedaço que sobrar. Cole os postiços, da metade até o final da pálpebra, rente aos cílios naturais.

Passo 4
 

Depois que a cola estiver seca, apóie o dedo na raiz dos cílios para curvá-los para cima.

  Viram como é facil???? É questão de treino e prática!!!!

QUAL SERÁ O VESTIDO IDEAL DE NOIVA PRA VOCÊ??? VEJA E SIGA AS DICAS IMPECÁVEIS...



Nem sempre o vestido de noiva de nossos sonhos é aquele que vai cair melhor no nosso corpo. Dependendo do seu tipo físico, alguns modelos são mais indicados. Veja o que você pode usar e o que é melhor evitar e escolha o vestido de noiva ideal para seu tipo de corpo.

Noiva alta e magra
 

O que pode:
 

  • Vestido justo estilo sereia, drapeados, franzidos, com pregas , gola alta, caudas longas e saias armadas.
  •  Cintura marcada por um cinto ou faixa.
  •  Invista em diferentes modelos de decote para o vestido de noiva: ombro a ombro, decote princesa e de alcinha cai muito bem.
  •  Tecidos como cetim, shantung e jacquard.

O que evitar
 

  •  Decote em "V".
  •  Salto muito alto, para não ficar desproporcional à altura do noivo.
  •  As mais cheinhas devem evitar tecidos esvoaçantes. O ideal é um caimento reto.
  •  Modelos muito extravagantes, para as mais cheinhas.

Noiva alta e gordinha
 

O que pode:
 

  • Tecidos com bom caimento, como crepes e musselines.
  •  Modelos retos e decotes discretos, pois eles darão a impressão de diminuir os ombros.
  •  Mangas transparentes, pois detalhes em transparência dão a impressão de "menos volume".

O que evitar
 

  •  Frente-única e modelos de vestidos de noiva tomara-que-caia não são a melhor opção.
  •  Saias rodadas, vestidos de noiva volumosos.
  •  Salto muito alto. O mais adequado é aquele que te ofereça uma boa postura e que você se sinta à vontade.

Noivas baixinhas e gordinhas
 

O que pode:
 

  • Braços cobertos, com uma manguinha para disfarçar.
  •  Cintura marcada, pois ajuda a afinar a silhueta e acentuar as curvas. Mas não é vestido justo!
  •  Bolero de renda: é uma boa pedida para quem não se sente à vontade com os braços de fora.
  •  Modelos de cintura baixa e saia longa abrindo-se em cauda discreta, que disfarçam quadris largos.

O que evitar
 

  •  Detalhes na horizontal, como faixas, saias em camadas e tecidos pesados como tafetá, cetim ou veludo
  •  Tecidos que armam , como tules e organzas, pois aumentam ainda mais o volume.
  •  Cabelos soltos e armados, pois dão a impressão de mais volume.
  •  Recortes e costuras que apertam a silhueta, para não formar rugas e pneuzinhos. A roupa deve apenas tocar levemente a silhueta, disfarçando as gordurinhas.
  •  Evite modelos justos e muito colados ao corpo.
  •  Cavas americanas e frente única não ficam bem para quem tem ombros muito largos.
  •  Não exagere nos acessórios da noiva
  •  Vestido de noiva bordado, com rendas e as mangas bufantes.

Noiva magra e baixinha
 

O que pode:
 

  •  Modelos bem ajustados ao corpo, com saia ampla e cauda discreta, formada apenas pelo prolongamento da parte traseira da saia.
  •  Invista em penteados com cabelo preso. Arranjo de cabeça sobre penteado alto e véu longo ajuda a alongar a silhueta.
  •  Tecidos com caimento que dão a impressão de “fluidez”. Para isso, prefira os mais leves, como seda e musseline. Faz o corpo parecer mais esguio!
  •  Modelos drapeados afinam a cintura e alongam a silhueta.

O que evitar:
 

  •  Vestidos muito volumosos, estilo bolo.
  •  Cauda muito longa
  •  Decote em V.
  •  Cabelos soltos, principalmente se eles forem muito compridos.

Também pode te interessar...

  •      Como escolher o vestido de noiva
  •      Vestidos tomara-que-caia para você se inspirar
  •      Os melhores vestidos de SEX IN THE CITY
  •      O vestido de noiva ideal para você

TAMANHOS DE BOLSAS IDEAL PARA A SUA ESTRUTURA CORPORAL... VEJA E SIGA AS DICAS!


As bolsas fazem parte do universo feminino e não há mulher que resista a esse acessório, pequenas, grandes, de mão, com alça, coloridas, discretas, quanto mais modelos temos, mais queremos ter, porém muitas mulheres não sabem é que para cada tipo de corpo existe um modelo ideal, capaz de ressaltar pontos positivos ou acabar com qualquer produção.
Quer aproveitar esse acessório a seu favor? Então confira as dicas e descubra o seu modelo ideal.

Para quem não tem muitas curvas, a melhor opção são as bolsas largas e não muito tradicionais em tamanho médio, bolsas pequenas até são permitidas desde que não ultrapassem altura da cintura, dessa forma cria-se uma ilusão de curvas.

As gordinhas devem fugir das bolsas pequenas e transpassadas em estilo carteiro, pois aumentam a silhueta causando a impressão de estarem mais gordinhas do que na verdade estão. Para quem está acima do peso os modelos ideais são as bolsas largas e bem estruturadas, estas alongam a silhueta e disfarçam as gordurinhas, tornando-se modelos ideais.

Se você tem seios fartos o indicado é desviar a atenção dessa região, por isso opte por modelos que fiquem na altura do quadril ou bolsas de mão, a conhecida tiracolo, estas desviam a atenção dos seios volumosos.

Se você tem quadril largo, a palavra aqui é equilíbrio, por isso bolsas pequenas são as mais recomendadas, use-as na altura abaixo dos braços e evite as bolsas tiracolo que agregam mais volume a essa região.

As baixinhas devem evitar as maxi-bolsas, por serem bolsas grandes elas “achatam” a silhueta de quem já é baixinha, os modelos mais indicados são as de mão e de cores escuras.

As altas e magras podem abusar de todos os modelos que existem, pois para este tipo de corpo todas combinam, porém evite as bolsas pequenas e invistam nas maxi-bolsas.

Assim como é importante saber escolher roupas, bijus e sapatos que valorizem nosso tipo físico as bolsas são fundamentais ao compor um look. Agora que você já sabe qual modelo é o mais indicado ao seu biótipo, basta escolher o seu e arrasar!

BIJU OU JÓIAS CERTAS PRA VOCÊ... VEJAM AS DICAS QUE TUUUDOOO!



Veja algumas dicas de cor e tipos de brincos.

- Os brincos do tipo botão tendem a enfatizar o nariz e o queixo, por isso quem tem uma dessas partes do rosto em tamanho mais elevado melhor passar bem longe desse modelo de brinco.
- Já os brincos dourados, por exemplo, podem ser usados por qualquer tipo de pessoa, pois este combina com vários tons de pele.
- Brincos prateados foscos tendem a combinar somente com pessoas morenas, acastanhadas e negras.
- Brincos longos ajudam a alongar visualmente o rosto e tendem a desfavorecer as mulheres quem possuem roto mais comprido. Podem combinar com vários tipos de golas e decotes como, por exemplo: decote V, redondo, de um ombro só, tomara que caia e golas pólo.
-Brincos em ouro brilhante ou de pérola são adequados para produções mais sociais e elegantes.
- Os de argola que são muito usados pelas mulheres combinam com todos os formatos de rosto, mas devem ser usados com looks mais esportivos.

Rosto Triangular

O rosto triangular combina com brincos pequenos, circulares e largos. E deve ser evitado os brincos mais puntudos e angulares

Rosto redondo

O rosto redondo possibilita várias opções de uso como: brincos grandes, longos, quadrados, em formato depingente, angulares e até mesmo os bem assimétricos.
Deixe de lado: os pequenos e argolas muito grandes.

Rosto quadrado

Já o rosto quadrado pede brincos longos, geométricos e largos, devendo evitar sempre os brincos redondos, triangulares e pequenos.

Rosto oval

O rosto oval combina com brincos rdondos, largos e ovais.
Evite: brincos bem estreitos e com elementos pendurados.

Rosto miúdo

O rosto miúdo pede acessorios que tendem a paliar o rosto como brincos volumosos e de espessura grossa.
Para quem tem esse formato de rosto evite os brincos de pequeno porte e os que são compridos de mais.

Rosto graúdo

Caem bem: os brincos pingentes, argolas e de formato
oval.
Deixe de lado: os pequenos e com formatos geométricos.

Rosto envelhecido com rugas

O rosto envelhecido com rugas deve ser prestado muita atenção pois este exige brincos de formatos menores e de preferencia os de tons dourados e brilhantes para dar um aspecto rejuvenescido e elegante.
Pessoas assim nunca devem colocar brincos grandes e volumosos pois estes tendem a chamar atençao dos olhares diretamente para o rosto.

Rosto longo

Caem bem: os brincos em formato chuveiro, aqueles redondinhos que
tenham maior volume.
Deixe de lado: os modelos de pingentes longos.

Para quem usa óculos

Para quem tem que fazer o uso dos óculos diariamente você deve optar por brincos pequenos, em metal ou ouro, que combinem com a roupa, e não com os óculos. Tente evitar os brincos de tamanhos grandes ou aqueles modelos que sejam parecidos com a armação do óculos.

Em relação às gargantilhas e colares devem estar sempre adequados ao decote da roupa e fique atendo nas seguintes dicas.

- Se você estiver usando um colar grande e bem imponente, esqueça os brincos ou use no máximo um brinquinho pequeno.
- Os brincos e os colares devem combinar, independentemente de ser conjunto ou não.
- Cordões médios e pequenos combinam com trajes esportivos e para as roupas decotadas.
- As correntes espessas podem ser usadas sobre a roupa desde que o tecido combine com o metal.
- As correntes longas ficam perfeitas para quem tem uns quilinhos a mais ou para quem tem uma estatura muito baixa, mas o comprimento não deve ultrapassar a altura da cintura.

Muito busto

Para que tem um grande volume nos seios escolha os colares próximos ao pescoço, de pérolas e correntes longas e evitem cordões que terminam imediatamente embaixo ou acima do busto.

Pouco busto

Já para que tem seios menores use e abuse dos colares vistosos e volumosos para que a atenção de quem olha seja diretamente para o pescoço.
Deixam a desejar: modelos que ultrapassem a linha das clavículas pois são mais compridos e perdem o charme quando usados por pessoas desse porte físico.

Ombros largos

Os ombros largos são a grande preocupação das mulheres, pois há uma grande porcentagem do público feminino que sofre com esse tipo de questão. Para evitar constrangimentos use colares que criam uma linha central alongada permitindo chamar atenção para o resto do corpo como, por exemplo, a cintura. Evite sempre usar colores curtos ou muito próximo a pele do pescoço.

Ombros estreitos

Já os ombros estreitos pedem colares delicados e sem muito volume como, por exemplo, um pingente do tipo pingo d`água que fica ideal neste tipo de estatura. Nunca use colares grandes e cheios de elementos pendurados.

Pescoço fino

Para quem tem pescoço fino prefira os modelos curtos e arredondado sempre utilize correntes curtas. Evite pingentes compridos e correntes que ficam com aspecto em V.

Pescoço curto

Escolha ideal: colares abaixo da linha inferior das clavículas, com pingentes alongados e verticais de correntes compridas. Cordões médios também compõem um ótimo visual com decotes grandes, ficam bem com roupas de malhas e camisetas acinturadas.
Deixam a desejar: pingentes horizontais ou pequenos ecorrentes curtas.

Pescoço grosso

Escolha ideal: pingentes simétricos, de composição vertical, e correntes médias.
Deixam a desejar: pingentes delicados e correntes curtas.

Pescoço para quem tem colo ossudo

Escolha ideal: pingentes leves e correntes compridas.
Deixam a desejar: pingentes pontudos e correntes curtas.

Já os anéis devem compor um visual harmônico com as mãos, pois para cada tamanho, aspecto e do formato das mesmas devem ser usadas um tipo de acessório especifico.

Mãos enrugadas

Caem bem: os anéis largos com gemas grandes.
Deixe de lado: os finos e justos com pedras pequenas.

Mãos largas

Caem bem: os anéis largos, angulares e simétricos.
Deixe de lado: os finos e assimétricos.

Mãos curtas

Caem bem: os anéis verticais e levemente suspensos.
Evite: os anéis horizontais e aqueles grossos que cobrem as articulaçõe dos dedos

Mãos finas e alongadas

Caem bem: os anéis grossos e horizontais, grandes e chatos.
Deixe de lado: os finos e verticais.